Skip directly to content

Bolivia

Estudante de Camapuã se assusta com Bomba de gás e tumulto que matou 4 na Bolívia

on qua, 11/05/2022 - 01:04

Uma bomba de gás lacrimogêneo lançada durante uma reunião de estudantes no ginásio da Universidade Autônoma Tomás Frías, em Potosí, na Bolívia, vitimou quatro universitárias. As jovens morreram pisoteadas após confusão gerada com o artefato. De acordo com jornais locais, outras 70 pessoas ficaram feridas e o hospital da cidade de 270 mil habitantes colapsou.

Além das mortes, aproximadamente 70 pessoas ficaram feridas com a explosão da granada (Foto: El Deber/APG)

Por conta da proximidade com o Brasil – a Bolívia faz fronteira com Corumbá, Mato Grosso do Sul -, o país vizinho recebe

Mortes por arenavírus na Bolívia deixa Corumbá em alerta

on qui, 04/07/2019 - 22:33

As autoridades de saúde de Corumbá – a 417 km de Campo Grande – estão em alerta após a morte de duas pessoas em La Paz, na Bolívia, país que faz fronteira com o município de Mato Grosso do Sul. Na quarta-feira (3) a ministra da Saúde do país vizinho, Gabriela Montaño, confirmou a morte de duas pessoas por arenavírus.

Foto: ilustrativa

Não se sabe ainda como o “paciente zero” (primeiro a pegar a doença) foi infectado. Ele morreu após receber atendimento e a médica que o socorreu foi a segunda morte.

Brasil x Bolívia tem renda de R$ 22 milhões, a maior da história do futebol brasileiro

on sab, 15/06/2019 - 02:11

Foto: Nilton Fukuda/Estadão Conteúdo

 

A renda anunciada do jogo de estreia da Copa América 2019, entre Brasil e Bolívia, chamou a atenção no Morumbi. Foram mais de 22 milhões arrecadados, com público pagante de 46.342. Ou seja, o tíquete médio foi de cerca de R$485.
 
É a maior renda já divulgada na história do futebol brasileiro, superando por muito o Brasil x Chile das últimas eliminatórias, na Arena Palmeiras. O dinheiro fica 100% com o COL, o Comitê Organizador Local da Copa América.
 
Veja as informações de público e renda de Brasil x Bolívia:
Público pagante: 46.342
Público presente:

Acordo dá início ao projeto de termelétrica com investimentos de US$ 300 milhões

on ter, 04/06/2019 - 23:41

Com investimento de US$ 300 milhões, acordo firmado entre Brasil e Bolívia, nesta terça-feira, em Santa Cruz de la Sierra (BOL), viabiliza a termelétrica na região de Ladário e Corumbá, em Mato Grosso do Sul.

Azambuja, Evo e o ministro em solenidade de assinatura do Termo de Compromisso - Foto: Foto: Divulgação

O Termo de Compromisso de Fornecimento de Gás Natural, pela estatal Yacimientos Petrolíferos Fiscales Bolivianos S/A (YPFB), foi assinado pelo governador Reinaldo Azambuja, pelo presidente boliviano Evo Morales, junto com o ministro de Hidrocarburos, Luis Alberto Sanches.

A produção